Descoberta maior reserva de petróleo em 30 anos

Numa altura em que mundialmente existe um esforço para cortar a produção de petróleo, não são essas as indicações que chegam dos Estados Unidos. Acresce esta descoberta da Repsol.

A petrolífera espanhola Repsol descobriu a maior reserva de petróleo, em terra, nos Estados Unidos, de há 30 anos. É no Estado do Alasca que se situa esta descoberta no valor de 1,2 mil milhões de dólares. Segundo a empresa, há três décadas que não se encontrava uma reserva assim, avança a Bloomberg.

A descoberta situa-se num declive numa região norte do Alasca. A energética madrilena encontrou esta reserva após a perfuração de dois poços na formação geológica de Nanushuk. A empresa estima que pode aumentar a sua produção para os 120 mil barris por dia em 2021, segundo os planos de desenvolvimento preliminares.

Esta descoberta surge num momento em que mundialmente existe um esforço para fazer cortes na produção de barris de forma a controlara queda do preço do petróleo que começou em 2014. A OPEP chegou a um acordo, o que levou o preço do barril para lá dos 50 dólares. Contudo, os dados revelados esta semana pelos Estados Unidos mudaram a perceção dos mercados.

Em causa está um aumento do inventários reportados pelos EUA, o que levou a uma desvalorização do WTI (barril transacionado em Nova Iorque). A queda foi de tal forma significativa que o petróleo está abaixo dos 50 dólares, uma barreira psicológica dos investidores. Hoje o crude esteve a ser negociado nos 49 dólares pela primeira vez em 2017.

Para a Repsol esta descoberta representa também algo que a empresa não conseguia desde outubro de 2009, altura em que encontrou a reserva de Perla na Venezuela. A vantagem desta descoberta no Alasca é que já existem nesse Estado infraestruturas significativas que permitem que os novos recursos possam ser explorados de forma mais eficiente, explica a Bloomberg citando a empresa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Descoberta maior reserva de petróleo em 30 anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião