O atentado de Barcelona em oito vídeos

  • ECO
  • 17 Agosto 2017

Após o atentado, foram várias as pessoas que usaram as redes sociais para documentar os acontecimentos. O ECO reconstitui-os através de oito vídeos.

Esta quinta-feira, uma carrinha branca entrou para Avenida La Rambla através da Praça da Catalunha, colhendo várias pessoas ao longo de uma distância de 530 metros. Nesta zona central da cidade de Barcelona, uma das mais procuradas pelos turistas que a visitam, várias pessoas começaram a documentar os acontecimentos em fotografia e em vídeo, partilhando-os depois através das redes sociais.

O ECO selecionou oito vídeos que foram dando conta das movimentações após o atentado terrorista desta quinta-feira.

Os primeiros momentos

Neste vídeo em direto, filmado da Praça da Catalunha, dá conta das primeiras movimentações após o ataque. Podem já ver-se várias ambulâncias na convergência entre a praça e a Avenida La Rambla e várias pessoas a afastarem-se da zona do atropelamento. O autor do vídeo fala já de um “ataque terrorista” e afirma que as pessoas estão a “sair a correr”.

Nas Ramblas, a polícia aproxima-se

Do interior de um autocarro turístico, um utilizador do Twitter gravou os veículos da polícia catalã a aproximarem-se do local do atropelamento. O autor do ataque pôs-se em fuga após romper pela multidão.

Polícia cerca as Ramblas

Outro utilizador faz questão de sublinhar que “ouviu gritos, todas as pessoas correram” e que nem acredita que um carro entrou pela rua que “tinha descido dez segundos antes”. Neste vídeo pode já ver-se a avenida cercada de veículos da polícia, momentos antes de esta começar a evacuar a zona.

Agentes procuram os atacantes

O The Telegraph partilhou um vídeo das operações da polícia, que percorrem as ruas armadas à procura dos atacantes. Muitos meios noticiaram que estes se tinham barricado num restaurante da zona, contudo a polícia veio já desmentir tais informações.

Alargamento do perímetro

À medida que o tempo foi passando, as autoridades alargaram o perímetro de segurança, evacuando não só a zona das Ramblas e da Praça da Catalunha, mas fechando o trânsito desde o Passeio da Gracia. As estações de metro, comboio e estabelecimentos comerciais circundantes também foram encerrados. Às pessoas que estavam nas ruas e nesses estabelecimentos, a polícia pediu para se abrigarem e não saírem sem ordens para tal.

A fuga

No início destas imagens, difundidas pela BBC, pode ver-se um grupo de pessoas a fugirem do local do atropelamento, em corrida

As ruas ficaram vazias

“É assustador”, relata uma turista através do Facebook. “Não posso chegar ao metro, aos autocarros, aos táxis. A única coisa que se vê é polícia. As ruas estão vazias.”

A detenção de Driss

O condutor da carrinha foi detido pela polícia mais de uma hora depois. Sabe-se já que o ataque foi premeditado e levado a cabo por Driss Oukabik, um francês com antecedentes criminais, que alugou a carrinha utilizada para o ataque na cidade de Barcelona. Neste vídeo, veem-se alguns agentes a levarem um homem algemado.

Até ao fecho desta peça, tinham sido já confirmadas 13 vítimas mortais e 80 feridos. As condenações a este ato de terrorismo — o oitavo deste tipo no último ano — chegam a Barcelona de todos os cantos do mundo, desde a Europa aos Estados Unidos da América. O Daesh reivindicou o ataque ao final do dia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

O atentado de Barcelona em oito vídeos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião