Número de mortos provocados pelo sismo no México sobe para 90

  • ECO e Lusa
  • 10 Setembro 2017

O número de mortos devido ao sismo que ocorreu quinta-feira à noite na costa sul do México passou para 90. Só no estado de Oaxaca houve 71 das mortes.

O número de mortos devido ao sismo que ocorreu na quinta-feira à noite na costa sul do México passou para 90, divulgou este domingo a Proteção Civil de Oaxaca, referindo que 71 das mortes se registaram neste estado.

Numa publicação na rede social ‘Twitter’, a Proteção Civil de Oaxaca indica que, “numa reunião de avaliação, o governador [daquele estado], Alejandro Murat, revelou que o número de mortos causados pelo terremoto aumentou para 71”, isto apenas naquele estado do sul.

Além destas mortes, registaram-se 15 no estado fronteiriço de Chiapas e outras quatro em Tabasco. O anterior balanço do sismo de magnitude 8,2 era de 65.

Este tremor de terra, o mais forte do último século no país e que atingiu em particular o sul do México, fez ainda centenas de feridos.

O Presidente do México, Enrique Peña Nieto, declarou três dias de luto nacional pelas vítimas do sismo.

Segundo cálculos preliminares, cerca de 50 milhões de pessoas foram expostas ao sismo no México, cujo epicentro foi registado no sudeste do estado de Chiapas (sul).

Doentes e médicos de um hospital em Villahermosa, no México, permaneciam no exterior depois do forte sismo de magnitude 8,4 na escala de Richter. A imagem foi captada a 8 de setembro. EPA/STR

Agora que o sismo passou, a Proteção Civil mexicana deixa um conjunto de recomendações à população sobre o que deve fazer.

 

Na vizinha Guatemala, o abalo afetou mais de 4.700 pessoas e causou quatro feridos, além de provocar danos em cerca de 200 habitações. Afetou também infraestruturas, como dezenas de escolas e uma ponte.

No México, a passagem do furacão Irma causou ainda dois mortos.

Em setembro de 1985, um sismo de magnitude 8,1 devastou grande parte da capital, Cidade do México, e fez mais de dez mil mortos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Número de mortos provocados pelo sismo no México sobe para 90

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião