João Lourenço responde a Isabel dos Santos: “Não haverá crise em Angola”

O presidente de Angola respondeu este sábado a Isabel dos Santos, negado a existência de instabilidade no país. As declarações surgem depois da empresária ter lançado no Twitter criticas ao governo.

O presidente de Angola responde este sábado a Isabel dos Santos e nega de forma firme que o país esteja à beira de uma crise política.

“Não haverá crise política em Angola“, garantiu João Lourenço, na conferência de imprensa, transmitida pela RTP3, que concedeu este sábado, momento que marca a despedida de Portugal.

Sem nunca se referir ao nome da empresária angolana, João Lourenço foi parco nas palavras: “posso garantir que não haverá instabilidade em Angola. É tudo o que tenho a dizer”.

Estas declarações de João Lourenço acontecem depois de Isabel dos Santos ter afirmado esta quarta-feira, que a “situação está a tornar-se cada vez mais tensa, com a possibilidade de se juntar à crise económica existente, uma crise política profunda”.

A empresária deu como exemplos, “a greve nacional dos médicos com 90% de adesão, a quebra do poder de compra em 170% e a fome nas famílias, apesar do petróleo em alta”.

A empresária aproveitou a rede Twitter para criticar o presidente angolano, isto no mesmo dia em que o pai, José Eduardo dos Santos, fez uma declaração garantindo que não deixou os cofres públicos vazios, e poucos dias depois de o atual presidente ter criticado a forma como foi feita a passagem da “pasta” entre os dois chefes de Estado,

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

João Lourenço responde a Isabel dos Santos: “Não haverá crise em Angola”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião