Tráfego nas autoestradas bate recorde no final de 2018

  • ECO
  • 8 Abril 2019

No último mês do ano passado, passaram pelas autoestradas nacionais 18,2 mil veículos por dia, o valor mais alto desde que os dados são compilados, há 10 anos.

O tráfego diário na rede nacional de autoestradas atingiu um novo máximo no último mês de 2018, tendo sido registados uma média de 18,2 mil veículos diários, o valor mais alto desde que estes dados são compilados, há 10 anos, e um crescimento e 5% face a dezembro de 2017, noticia esta segunda-feira o Jornal de Negócios (acesso condicionado), citando o último relatório publicado pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes.

Já olhando para os valores registados em todo o quarto trimestre do ano, o relatório do IMT aponta para um crescimento do tráfego médio diário em todas as concessões rodoviárias sendo que, ironicamente, a maior subida registou-se na autoestrada do Douro Litoral, precisamente a concessão que está envolta em polémica, entre tomadas de controlo por credores e tentativas de recuperação desse mesmo controlo pela Brisa. Independentemente de quem manda na concessão, certo é que a mesma registou um crescimento de 12,2% em termos homólogos na procura.

Além da Douro Litoral, a concessão Norte viu a circulação crescer 10% e, do lado oposto, os crescimentos menos acentuados deram-se nas concessões da Beira Interior (2,7%) e Beiras Litoral e Alta (2,9%), em termos homólogos.

Conforme escreve o Negócios, e ao longo de 2018, “com o ambiente económico a manter os sinais positivos e os descontos introduzidos em vias do Interior, o tráfego cresceu todos os meses, à exceção de abril, quando registou um recuo”.

Comentários ({{ total }})

Tráfego nas autoestradas bate recorde no final de 2018

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião