CP reabre oficinas para colocar comboios antigos em circulação

  • ECO
  • 14 Novembro 2019

A CP está a enviar automotoras e locomotivas para oficinas reabertas com o objetivo de as colocar em andamento, uma vez que os novos comboios só devem chegar a partir de 2023.

A CP já começou a deslocar automotoras, locomotivas e carruagens que estavam abandonadas para as várias oficinas para serem recuperadas e voltarem a entrar em circulação, numa altura em que a empresa tem problemas para cobrir a procura, noticia o jornal Público (acesso condicionado). A ideia passa por cobrir parte da procura com o regresso destes comboios mais antigos, e, a prazo, construir material circulante em Portugal.

De acordo com o jornal, a empresa já enviou estas automotoras e carruagens para oficinas como as do Entroncamento, Barreiro, Contumil e Guifões, algumas delas que se encontravam fechadas. Com o atraso na realização dos concursos públicos para a compra de novos comboios, não se prevê que cheguem antes de 2023. Até lá, mesmo com automotoras espanholas, a CP não tem capacidade para fazer face às suas necessidades.

A estratégia, segundo o presidente da CP, passa por utilizar estas oficinas que são especializadas em recuperar carruagens antigas para colocar algumas destas carruagens e comboios em circulação, e assim cobrir parte da procura.

A prazo, a empresa pretende também vir a construir material circulante em Portugal, em conjunto com as universidades e o setor privado, e eventualmente com empresas internacionais. Para já, a CP deverá pegar nestas carruagens antigas, desmontá-las até ficarem só com o esqueleto, a partir do qual construirá as novas unidades, com 75% de material nacional, mas com motores importados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CP reabre oficinas para colocar comboios antigos em circulação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião