Quer poupar na fatura da luz? Janeiro é o mês ideal para simular preços e mudar de operador, diz a ERSE

ERSE recomenda aos consumidores que façam simulações pelo menos duas vezes por ano para conseguirem poupar na energia. Site do regulador ajuda. Agora até tem uma assistente virtual.

Qual é o melhor mês para trocar de fornecedor de eletricidade? É este. A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) defende que todos os consumidores de energia doméstica devem fazer simulações dos seus preços de luz e gás pelo menos duas vezes por ano: logo no início do ano, uma em janeiro (para a luz), e depois em outubro (gás natural). Caso encontrem ofertas mais baixas no comparador de ofertas comerciais do regulador, não há que hesitar: é sinal que está na hora de mudar de fornecedor e começar a poupar na fatura energética.

A razão prende-se com o calendário de aprovação das tarifas da ERSE, que a 16 de dezembro anunciou precisamente as tarifas para 2020 no mercado regulado (cerca de um milhão de clientes), com uma descida de 0,4% nos preços da eletricidade, ou seja, cerca de 18 cêntimos numa fatura média de 44 euros.

No mercado liberalizado (onde se encontram os restantes cinco milhões de clientes), janeiro é também o mês em que as empresas comercializadores de energia elétrica apresentação as sua novas tabelas de preços para o ano que se inicia. Ainda o primeiro mês de 2020 não vai a meio e as principais elétricas — EDP Comercial, Endesa, Galp Energia e Goldenergy — já comunicaram as descidas médias nas tarifas para as respetivas carteiras de clientes, que variam entre os 0,4 e os 2,5%, com poupanças reais nas faturas a oscilar entre os três e os 15 euros por ano.

Outra simulação que deve ser feita regularmente pelos consumidores, recomenda o regulador, diz respeito à potência contratada, sendo que uma simples redução de escalão na potência (para os 3,45 kVA, por exemplo) “pode gerar poupanças a partir de 22 euros anuais”, garante a ERSE.

De acordo com a entidade reguladora, que esta quinta-feira estreou o seu novo site institucional, com conteúdos mais simplificados e novas funcionalidades, em 2019 o simulador de preços de energia (alvo de uma atualização em 2018) que compara todas as ofertas comerciais disponíveis para os consumidores domésticos de eletricidade e gás natural atingiu cerca de 1,5 milhões de simulações.

Já o simulador de potência contratada, lançado no ano passado, foi usado por 25 mil utilizadores em 94 mil simulações, refere a ERSE em comunicado, lembrando que a qualidade de serviço técnica de cada região também pode ser consultada através de um portal lançado em 2019.

Diga “Olá!” à Gia

Numa tentativa de se aproximar dos cidadãos, o novo site da ERSE privilegia precisamente a área dedicada aos consumidores de energia que foi concebida e desenhada para aumentar a sua acessibilidade e usabilidade. “Uma das novidades é a Gia, uma assistente virtual que comunica e interage com os consumidores, responde diretamente às perguntas colocadas e, sempre que possível, encaminha o consumidor para informação complementar, funcionando como uma ferramenta auxiliar de informação e formação do consumidor de energia”, referiu o regulador em comunicado.

E acrescenta: “A área dedicada ao consumidor de energia continuará a ser uma aposta da ERSE no sentido de apoiar o consumidor a exercer os seus direitos, como reclamar e pedir informação ou como resolver os seus conflitos de consumo através dos centros de arbitragem mais próximos dos cidadãos e com os quais a ERSE celebrou protocolos para a permitir a resolução de conflitos e concretizar o direito de acesso à justiça. Nesse sentido, o site da ERSE permite ao consumidor, através da indicação do concelho onde reside, saber a que centro de arbitragem se deve dirigir”.

Em destaque no novo site estão os os vários simuladores que auxiliam os consumidores no processo de contratação de fornecimento de energia. A modernização do portal da ERSE contou com o apoio financeiro da União Europeia no âmbito do sistema de incentivos “Apoio à modernização e capacitação da Administração Pública (SAMA 2020)”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Quer poupar na fatura da luz? Janeiro é o mês ideal para simular preços e mudar de operador, diz a ERSE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião