Ministra da Saúde diz que já há mais casos de Covid-19. Supera os 41 oficiais

Marta Temido, ouvida no Parlamento diz que já são mais de 41 o número de pessoas infetadas pelo novo coronavírus. A RTP avança que existirão pelo menos sete novos casos de contágio.

A ministra da Saúde, Marta Temido, ouvida no Parlamento esta quarta-feira revela que o número de pessoas infetadas pelo novo coronavírus já supera os 41 do último balanço da Direção Geral de Saúde (DGS). Atualização do balanço oficial acontece ainda esta manhã.

Ontem de manhã eram 41 os casos confirmados e tivemos mais casos confirmados” desde a última atualização afirmou governante ouvida esta quarta-feira na audição parlamentar da Comissão da Saúde, remetendo para a atualização do boletim epidemiológico que será divulgado ainda esta manhã o balanço oficial.

É inevitável que entremos na fase de mitigação dentro de horas, ou dias“, assumiu ainda Marta Temido, esclarecendo que a “dinâmica da situação epidemiológica está a ser muito rápida”.

Não sendo dados oficiais, a RTP está a avançar que existirão pelo menos mais sete pessoas contagiadas, o que elevará para 48 o número total.

A última atualização do boletim epidemiológico, nesta terça-feira, apontava para a existência de 41 casos, 27 dos quais localizados no norte do país, dois no centro, 10 na região de Lisboa e Vale do Tejo e dois no Algarve.

Segundo as autoridades de saúde portuguesas, existiam 375 casos suspeitos e 83 aguardavam resultado laboratorial. Estavam ainda 667 pessoas sob vigilância das autoridades, não havendo ainda registo de mortes associadas à doença Covid-19.

(Notícia atualizada às 11h10)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Ministra da Saúde diz que já há mais casos de Covid-19. Supera os 41 oficiais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião