Marcelo já fez mais de 20 testes à Covid-19

"Sempre critiquei, como analista, os políticos que ocultavam o que se passava com a saúde porque não dava jeito para eleições", recordou o Presidente da República.

O Presidente da República revela que já fez mais de 20 testes à Covid-19, mas apenas “um ou dois” terão sido feitos “à custa do Estado”.

Em entrevista à RTP, Marcelo Rebelo de Sousa explica o elevado número de testes pela necessidade de proteção dos outros, porque tem “um grau de contacto e de projeção, de centenas de pessoas, ou de milhares “não todas ao mesmo tempo”. “Seria uma irresponsabilidade não saber o estado em que me encontro, explicou.

O Chefe de Estado defendeu a necessidade de saber o que se passou com a sua saúde e “dizer tudo sobre a saúde, em todos os aspetos” é “fundamental”. “Sempre critiquei, como analista, os políticos que ocultavam o que se passava com a saúde porque não dava jeito para eleições”, recordou.

A saúde foi uma das condicionantes que Marcelo Rebelo de Sousa colocou para decidir sobre uma eventual recandidatura ao cargo de Presidente da República. Para já continua a não levantar a ponta do véu e explica que os portugueses o elegeram para ser Presidente até ao final do mandato e não para ponderar eventuais recandidaturas. “Até 9 de março continua a pandemia e tenho a obrigação de ser Presidente e não fazer cálculos eleitorais”, afirmou, garantindo que ainda não tomou a decisão.

“Não fui eleito para pensar numa eventual recandidatura, tenho de tratar da pandemia até lá”, explicou o Chefe de Estado, sublinhando que decide “friamente” e não tem estados de alma. Marcelo deu a garantia de que, “o mais tardar, até ao final do mês de novembro serão convocadas as eleições” presidenciais, porque considera que “quem deve convocar as eleições é o Presidente e não o candidato”.

O aproximar das eleições traz uma preocupação acrescida, porque o Chefe de Estado perdeu o poder de dissolução da Assembleia da República e por isso Marcelo não quer acrescentar mais uma crise — a política — às outras duas que o país atravessa. “Vamos acrescentar a isto uma crise política? Convinha que não. Termos três crises apenas limita a capacidade do Governo responder à crise de saúde pública e à crise económica”. O Presidente até admite que para a oposição essa possa ser uma boa notícia, mas o problema é que o Governo não cai mais depressa por isso.

Marcelo reconheceu que “se contam pelos dedos” os governos e Presidentes que geriram uma pandemia e tenham sido reeleitosa última sondagem da Aximage para o Jornal de Notícias e TSF revela que a tendência de descida continua de Marcelo persiste, acentuada pelo crescimento da pandemia — e admite que “há um cheiro a crise desde a pandemia”.

(Notícia atualizada com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Marcelo já fez mais de 20 testes à Covid-19

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião