Banco CTT com 725 moratórias no valor de 40 milhões no final de junho

  • Lusa
  • 5 Agosto 2021

As moratórias no banco CTT representam "3,3% do total da carteira bruta de crédito a clientes", adianta a instituição em comunicado ao mercado.

O Banco CTT registava no final do primeiro semestre 725 moratórias, as quais correspondem a 40,1 milhões de euros, representando “3,3% do total da carteira bruta de crédito a clientes”, divulgaram hoje os CTT.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), os CTT referem que em 30 de junho deste ano “existiam 725 moratórias que correspondem a 40,1 milhões de euros”, dos quais 30,8 milhões de euros de crédito à habitação.

O crédito automóvel correspondia a 6,7 milhões de euros e outros créditos a 2,6 milhões de euros.

As moratórias representam “3,3% do total da carteira bruta de crédito a clientes”, adiantam os Correios de Portugal.

“Do total de moratórias terminadas, existem cerca de 2,9 milhões de euros com atrasos superiores a 30 dias, que representam cerca de 11% do total de moratórias privadas terminadas em 30 de setembro de 2020”, concluem.

Os CTT registaram lucros de 17,2 milhões de euros no primeiro semestre, o que compara com prejuízos de dois milhões de euros em igual período de 2020.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Banco CTT com 725 moratórias no valor de 40 milhões no final de junho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião