Recuperação? Marcelo prefere reconstrução e diz que “ideia não é regressar ao que era” antes da pandemia

Marcelo Rebelo de Sousa diz preferir a expressão reconstrução em vez de recuperação, quanto à retoma do país face à crise pandémica. "A ideia é fazer mais e melhor" do que antes da Covid-19.

O Presidente da República diz que prefere a expressão reconstrução para o processo de retoma da economia pós pandemia, em vez de recuperação, e sublinha que a “ideia não é regressar ao que era antes da pandemia“, mas, antes, fazer “mais e melhor” com base nas lições aprendidas durante este período de crise. Marcelo Rebelo de Sousa falava, esta segunda-feira, aos jornalistas à saída de um evento promovido pela Confederação do Turismo de Portugal (CTP).

“As pessoas entendem a recuperação no sentido de remendar e retocar o que foi esvaziado pela pandemia. Tem que ser mais do que isso. A ideia não é regressar ao que era antes da pandemia. É fazer mais e melhor com as lições da pandemia. Prefiro a expressão reconstrução”, sublinhou o chefe de Estado, assegurando, ainda assim, que tal comentário não deve ser lido como uma crítica ao plano delineado pelo Governo de António Costa para os próximos anos, no rescaldo da crise provocada pela Covid-19.

Questionado sobre as eleições autárquicas, que decorreram este domingo, o Presidente da República sublinhou que “o voto é uma arma do povo“, referindo-se à alta taxa de abstenção, disse que a ida às urnas “correu de forma muito estável“, congratulou os participantes, mas não quis comentar os resultados.

Já sobre o eventual impacto desses números na governação do país — nomeadamente quando ao seu efeito na negociação à esquerda do próximo Orçamento do Estado –, Marcelo Rebelo de Sousa atirou: “Os próximos anos são fundamentais. Crises políticas nos próximos anos não fazem sentido. Do que depender do presidente da República importa que haja orçamento para 2022 e 2023″.

O chefe de Estado deixou ainda a nota de que é preciso “preparar já” projetos como o novo aeroporto de Lisboa e não apenas quando se der o regresso dos turistas. Na própria conferência da CTP, o responsável apelou a uma decisão rápida na escolha da localização do novo aeroporto da capital e disse ainda que não gostaria de terminar o seu segundo mandato sem haver uma decisão tomada quanto a esse assunto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Recuperação? Marcelo prefere reconstrução e diz que “ideia não é regressar ao que era” antes da pandemia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião