Hoje nas notícias: Remodelação, dívida e PEVE

  • ECO
  • 28 Setembro 2021

Dos jornais aos sites, passando pelas rádios e televisões, leia as notícias que vão marcar o dia.

António Costa está a preparar uma remodelação do seu Governo. Esta terça-feira é ainda marcada pela entrevista a Nazaré da Costa Cabral, que sublinha que a situação financeira do país não é confortável, e pela fraca adesão das empresas ao mecanismo extraordinário de viabilização. A task force da vacinação tem já fim marcado e a pandemia agravou diferenças entre alunos desfavorecidos e aqueles que não precisam de ação social escolar.

Choque eleitoral força remodelação no Governo

Depois de ter perdido a Câmara de Lisboa para Carlos Moedas, Fernando Medina é agora apontado como um forte candidato a um lugar de ministro, no contexto da grande remodelação do Governo que António Costa está a preparar. As mexidas deverão avançar só após a aprovação do Orçamento do Estado, estando em risco de sair cinco ministros: Eduardo Cabrita, da Administração Interna, Francisca Van Dunem, da Justiça, Manuel Heitor, da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Graça Fonseca, da Cultura, e Ricardo Serrão Santos, do Mar. Leia a notícia completa no Correio da Manhã (acesso pago).

Situação financeira do país “não é confortável”

A presidente do Conselho das Finanças Públicas avisa que a situação financeira de Portugal “não é confortável”, referindo-se especificamente à dívida pública. Este alerta é deixado a menos de duas semanas da entrega do Orçamento do Estado no Parlamento, com Nazaré da Costa Cabral a apelar, também, a um debate sobre estratégia de consolidação orçamental. A responsável sublinha ainda que a política orçamental nacional vai ter no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) um “almoço grátis”, que permitirá aumentar a despesa sem uma imediata expressão orçamental. Leia a notícia completa no Público (acesso condicionado).

Empresas ignoram mecanismo extraordinário de viabilização

Desde janeiro até agosto deste ano, apenas nove empresas recorreram ao Processo Extraordinário de Viabilização de Empresas (PEVE) para resolver os seus problemas financeiros. Destes, só três procedimentos foram homologados, sendo que outros quatro foram recusados por não reunirem as condições previstas na lei e os restantes dois encontram-se ainda em tramitação. Como as empresas têm beneficiado de moratórias, que estão a chegar ao fim, o Governo deverá prorrogar este plano especial de viabilização, inicialmente previsto terminar em 31 de dezembro. Leia a notícia completa no Jornal de Negócios (acesso pago).

Fim da task force de vacinação é anunciado esta terça-feira

O fim da equipa responsável pelo esforço de vacinação contra a Covid-19 em Portugal, que existe desde dezembro do ano passado, vai ser comunicado ao país esta terça-feira. O anúncio será feito durante a visita do primeiro-ministro, António Costa, e da ministra da Saúde, Marta Temido, à sede da task force, no Comando Conjunto das Operações Militares. A maioria dos membros da equipa liderada pelo vice-almirante Gouveia e Melo souberam da extinção durante o fim de semana. Porém, tal como anunciado por António Costa na passada semana, os centros de vacinação continuarão em funcionamento, sob a organização de oito a nove militares. Leia a notícia completa no Observador (acesso pago).

Alunos desfavorecidos foram os mais penalizados pelo ensino à distância

A passagem do ensino presencial para a modalidade à distância que a pandemia forçou tornou mais evidentes as diferenças de aprendizagem entre os alunos mais desfavorecidos e aqueles que não precisam de Ação Social Escolar. O diagnóstico é feito pelo Instituto de Avaliação Educativa e indica que as médias dos primeiros são inferiores às dos demais. A diferença entre os alunos que nunca tiveram acesso a aulas síncronas ou acesso a um professor, no contexto da pandemia, é ainda mais acentuada. Leia a notícia completa no Jornal de Notícias (link indisponível).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Hoje nas notícias: Remodelação, dívida e PEVE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião