Altice UK reforça na British Telecom para 18% e recebe aviso do Governo de Boris Johnson

Grupo de Patrick Drahi reforçou a sua posição na operadora britânica para 18%. Apesar de garantir que não quer a totalidade da empresa, Governo britânico já avisou estar preparado para intervir.

A Altice UK anunciou ter reforçado a sua posição maioritária no capital da British Telecom para 18%. O Governo do Reino Unido recebeu a notícia com apreensão e avisa que pode intervir se for necessário proteger os interesses nacionais.

O grupo fundado por Patrick Drahi, que também controla a Meo em Portugal, já tinha 12,1% da operadora de telecomunicações britânica desde junho. Drahi terá comunicado a operação na segunda-feira ao chairman da British Telecom, Adam Crozier, depois do fecho dos mercados, conta a Reuters.

Segundo a agência, Drahi já garantiu que não tenciona avançar com uma oferta para a compra da totalidade da British Telecom. Ainda assim, o Governo britânico veio a público deixar um alerta.

“O Governo está comprometido em alavancar o país através da infraestrutura digital, e não hesitará em agir se necessário para proteger as nossas infraestruturas críticas de telecomunicações”, disse fonte oficial de Downing Street, citada pela Reuters.

A British Telecom tem vindo a construir uma rede de fibra ótica no Reino Unido. A operadora encontra-se avaliada em 16,6 mil milhões de libras a preços de mercado, acumulando uma desvalorização de quase 70% desde os máximos alcançados em 2015 na bolsa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Altice UK reforça na British Telecom para 18% e recebe aviso do Governo de Boris Johnson

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião