Menores de 18 anos deixam de receber vacina contra a Covid na Dinamarca

Dinamarca arranca conjunto de medidas destinadas a acabar com o programa de vacinação contra a Covid-19. Menores de 18 anos deixam de poder receber a segunda dose a partir de 1 de setembro.

A partir de 1 de setembro, os jovens dinamarqueses com idade inferior a 18 anos deixam de poder receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19, anunciou a autoridade de Saúde da Dinamarca.

O anúncio faz parte de um conjunto de medidas destinadas a acabar com o programa de vacinação contra a Covid-19 na Dinamarca. Desde 1 de julho que os jovens menores de 18 anos estão impedidos de receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19, seguindo-se agora a proibição da segunda dose. No entanto, a vacinação de menores continua a ser possível mediante a apresentação de justificação médica em casos de risco elevado.

Para a autoridade dinamarquesa da Saúde, as “crianças e jovens raramente ficam gravemente doentes com Covid-19, através da variante Ómicron”, além de que a entidade espera níveis elevados de imunidade na sua população, resultantes do alcance das suas campanhas de vacinação, pode ler-se em comunicado. Adicionalmente, a entidade governamental sublinha também o elevado número de infeções nos últimos meses, pela variante Ómicron, como justificação para as medidas avançadas.

O fim do programa dinamarquês de vacinação contra a Covid começou a 15 de maio, quando as crianças a partir dos 5 anos deixaram de ser chamadas para tomar a primeira dose, tal como os maiores de 18 anos que receberam duas doses deixaram de ser chamados para a terceira dose.

Ainda assim, a autoridade de Saúde dinamarquesa continua a recomendar a vacinação dos que ainda não receberam qualquer dose da vacina, embora reconheça que os benefícios são maiores para pessoas a partir dos 40 anos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Menores de 18 anos deixam de receber vacina contra a Covid na Dinamarca

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião