“É preciso atrair outras companhias aéreas para o Porto”premium

Nuno Botelho diz que "o Porto passava bem sem a TAP" e que a região tem capacidade para atrair outras companhias aéreas. Defensor acérrimo da regionalização, quer uma descentralização "mais a sério".

Presidente da Associação Comercial do Porto (ACP) há nove anos, Nuno Botelho diz que é preciso atrair outras companhias e "libertar" a região da TAP. "O serviço que a TAP nos presta no Aeroporto Sá Carneiro dispensávamos perfeitamente desde que nos libertasse para irmos buscar outras companhias que assegurassem mais rotas, ligações", defende. Em entrevista ao ECO/Local Online, o líder da ACP assume, por isso, como "bandeiras" da associação, o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, o Porto de Leixões e a mobilidadena Área Metropolitana do Porto (AMP) onde afirma haver um " défice enorme" ao nível das redes ferroviárias e da linha do metro. Defensor acérrimo da regionalização,Nuno Botelho é duro nas críticas ao estado das coisas no país. "Deveria haver vontade política dos partidos para haver

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos