GALP 1,18%
EDP 0,58%
CTT 1,91%
NOS 0,10%
JMT 0,52%
SON 0,27%

Aumentos tarifários superiores a 2% podem justificar-se, indica a presidente do regulador, Vera Eiró. Mas a decisão cabe aos municípios.