Imobiliário

Tiago Rosa, senior manager da EY, afirma que a proposta do Orçamento do Estado para 2021 não traz "mudanças profundas com impacto no setor imobiliário". Contudo, destaca o que deverá mudar.