Automóveis

O grupo automóvel de Vila Nova de Gaia recebeu luz verde dos acionistas para pagar um dividendo de 0,30 euros por ação e para colocar 15 milhões de euros numa emissão de papel comercial.

Estado recebeu pouco mais de 7.400 candidaturas, que não esgotaram a totalidade das verbas disponíveis. Montante que sobra será redistribuído por todas as categorias.