Portugal 2030 exclui apoio a estradas e parques de estacionamento

  • ECO
  • 14 Julho 2022

Salvo algumas exceções, Bruxelas veta fundos europeus para infraestruturas rodoviárias. O mesmo acontece no que toca a projetos de animação e programação cultural ou eventos.

As estradas e parques de estacionamento estão fora do próximo quadro comunitário, o Portugal 2030 (PT 2030). O mesmo para projetos de animação e programação cultural ou eventos. O acordo de parceria que o Governo português assina com a Comissão Europeia esta quinta-feira, no Fundão, estabelece que “os investimentos em infraestrutura rodoviária, incluindo estacionamento de automóveis, não serão cofinanciados”, mesmo que se tratem apenas de “obras de manutenção”.

Há umas quantas exceções a esta regra, mas Bruxelas mantém a mesma aversão genérica ao investimento em vias rodoviárias que já havia demonstrado no Portugal 2020, avança o Público. Além disso, embora o turismo possa contar com muitos milhões de ajuda para a digitalização, descarbonização ou formação, os projetos de animação, programação cultural ou de organização de eventos só receberão apoio europeu se apresentarem “potencial de captação de fluxos turísticos de forma sustentada, sejam da iniciativa de entidades públicas e estejam enquadrados numa estratégia de turismo sustentado”.

Apesar de não seres orientações novas, o facto de terem sido incluídas na versão final do acordo de parceria surpreende, já que não constavam das versões anteriores. Quanto a estradas, Portugal nem tinha inscrito projetos na proposta levada à consulta pública em novembro passado, mas a versão final, que estava a ser negociada desde março e que Bruxelas tinha quatro meses para fechar, não deixou passar o tema em branco.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal 2030 exclui apoio a estradas e parques de estacionamento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião