ISS quer contratar mais de 100 engenheiros de software para novo centro que abre em setembro no Porto

A empresa dinamarquesa ISS quer contratar mais de 100 engenheiros até 2023 para o novo centro tecnológico que vai abrir, no Porto.

A dinamarquesa ISS World Services, empresa “líder” em experiência de trabalho e gestão de instalações, abre, em setembro deste ano, um centro tecnológico no Porto, “ISS Tech Portugal”, dedicado ao desenvolvimento de software para apoiar o negócio Core que tem na Dinamarca e na Polónia. Sem adiantar valores do investimento, a empresa quer contratar mais de 100 engenheiros de software, prevendo que o centro funcione em pleno até ao final deste ano.

Segundo Pedro Rocha, CTO da startup luso-alemã “xelerate.tech”, adiantou ao ECO, a empresa vai funcionar, numa primeira fase, nas instalações “xelerate.tech”, na zona industrial do Porto, no âmbito de uma parceria com a empresa dinamarquesa. Numa segunda etapa, a ISS Tech Portugal deverá abrir, em 2003, um novo escritório na cidade portuense. Pedro Rocha referiu ainda que os primeiros colaboradores, cujo número também não avançou, começam já a laborar em setembro. “A empresa pretende ultrapassar os 100 engenheiros de software altamente qualificados até ao final de 2023“, avançou.

“O nosso novo centro tecnológico no Porto é um marco importante na nossa transformação digital. Para nos tornarmos o líder tecnológico da nossa indústria, não só estamos a investir em tecnologia de ponta, mas também a aumentar a nossa capacidade interna à escala global”, frisa, por sua vez, Markus Sontheimer, Group Chief Information & Digital Officer. Neste novo espaço no Porto, vão ser essencialmente desenvolvidas “soluções disruptivas e de alta qualidade nas áreas de IoT, Mobile, Data e Integrations”, resume.

A ISS Tech Portugal vai, assim, acrescenta Pedro Rocha, “apoiar o objetivo global da ISS de acelerar o desenvolvimento de soluções tecnológicas integradas e estabelecer produtos digitais inovadores para os seus mais de 350.000 funcionários e cerca de 40.000 clientes globais“.

Na escolha deste novo centro na cidade do Porto pesou a existência de universidades de reconhecimento e o facto de ser “um centro tecnológico internacional e vibrante, onde tanto startups como grandes empresas à escala global valorizam os seus profissionais de tecnologia altamente qualificados”, conclui.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

ISS quer contratar mais de 100 engenheiros de software para novo centro que abre em setembro no Porto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião