“Há uma banalização quando se fala de custos de criatividade”premium

O que é que os marketers pensam dos publicitários? E os publicitários dos marketers? E, ambos, dos board? António Roquette, presidente da APAP, comenta o estudo feito para obter estas respostas.

“A generalidade dos boardsolha para a marca como um custo necessário para ter a 'máquina' a funcionar e raramente como um investimento para o crescimento de negócio”. A convicção é de marketerse agências de publicidade e é uma das conclusões do estudo desenvolvido pela Associação Portuguesa das Agências de Publicidade, Comunicação e Marketing (APAP), que cruza olhares de agências e clientes, com o objetivo de fazer um retrato do mercado e conhecer melhor as relações entre ambos. Realizado no âmbito do Festival do Clube de Criativos, o estudo demonstra que publicitários e marketersconsideram que as direções das marcas portuguesas ainda não conseguem medir o impacto do investimento em comunicação na valorização das suas marcas, considerando os CEO a marca como ativo, mas tratando o

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos