Há empresas que esperam ano e meio por apoios do Estado

  • ECO
  • 17 Junho 2022

Inquérito da Associação Nacional de Consultores revela que só 4% das empresas que concorrem a fundos europeus receberam os reembolsos dentro dos prazos e 60% disseram que prazos não são cumpridos.

Há empresas que esperam ano e meio pelo pagamento de apoios do Estado. Os atrasos são recorrentes e “estão a pôr em causa a viabilidade de empresas que desesperam pelos fundos aprovados”, diz Luís Miguel Ribeiro, presidente da Associação Empresarial de Portugal, em declarações ao Jornal de Notícias (acesso pago)

Um inquérito realizado pela Associação Nacional de Consultores, no início do ano, revela que só 4% das empresas que concorreram a fundos europeus receberam os reembolsos dentro dos prazos e 60% disseram que os prazos não são cumpridos frequentemente. Além disso, uma em cada cinco teve experiências más ou muito más com a submissão de candidaturas.

O presidente da AEP defende que “os programas não deviam funcionar por avisos, para que as empresas pudessem recorrer a eles quando estão preparadas e para evitar acumulação de processos”, junto dos organismos que os analisam, aprovam e encerram. “As agendas mobilizadoras do PRR ainda não estão aprovadas, quase um ano depois. Vamos continuar a repetir os erros e arriscar perder milhares de fundos europeus”, denunciou ainda Luís Miguel Ribeiro. A AEP já pediu ao Governo para “acabar com os avisos e manter os programas em aberto”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Há empresas que esperam ano e meio por apoios do Estado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião