Bitcoin desvaloriza com suspensão de levantamentos na China

  • Juliana Nogueira Santos
  • 10 Fevereiro 2017

Duas empresas de troca de bitcoin suspenderam os levantamentos devido a uma operação anti-corrupção. A moeda reagiu negativamente, chegando a cair 2%.

Depois de ter batido recordes de devido à instabilidade política, a bitcoin começou a abrandar. O motivo foi a suspensão de levantamentos por parte de duas das maiores plataformas de negociação chinesas, a OkCoin e a Huobi. Em declarações, as empresas afirmaram que a suspensão vai continuar em vigor enquanto a operação anticorrupção que está a decorrer no país não terminar.

Esta operação foi espoletada em janeiro, com o surgimento da ideia de que a moeda poderia estar a ser utilizada para lavagem de dinheiro e manipulação cambial. Espera-se que o banco central chinês endureça as regras e que todas as empresas passem a funcionar segundo manda a lei.

O crescimento exponencial da moeda deveu-se principalmente aos investidores chineses que encontraram na bitcoin uma maneira de se protegerem de uma depreciação forte do yuan. Ao deixar de ser útil, a moeda virtual começou a desvalorizar mais de 2% em relação ao dólar, posicionando-se agora nos 997,36 dólares.

Fonte: Bloomberg (Valores em dólares)

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Bitcoin desvaloriza com suspensão de levantamentos na China

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião