Como um Lamborghini pode ajudar a vender carros da Kia

  • Rita Frade
  • 19 Fevereiro 2018

O que é que a Kia e a Lamborghini têm em comum? Aparentemente nada. Mesmo assim, a marca sul-coreana decidiu colocar um Aventador ao lado do seu novo Kia, o Forte, para o promover.

A Kia decidiu desafiar as leis da velocidade para mostrar que o seu Kia Forte pode não ser o mais veloz ou o mais desejado, mas que nenhum outro automóvel se pode comparar com ele. Como? Colocando-o ao lado de um Lamborghini Aventador.

A forma como se abrem as portas ou a dimensão das bagageiras são alguns dos aspetos que a marca sul-coreana utiliza na comparação com o superdesportivo italiano. Isto além do número de pessoas que o Forte, modelo que não é comercializado em Portugal, consegue transportar: cinco contra apenas dois do Aventador.

Há um ponto em que a Kia “cede” perante o Lamborghini. É a velocidade. O Aventador chega aos 350 km/h, graças aos 740 cv do motor V12. Pode ser muito rápido, mas também é muito mais caro do que o familiar da marca sul-coreana.

“Por menos de 400.000 dólares, pode comprar um Kia Forte e uma pequena vila… em Itália“, argumenta a Kia num vídeo publicitário de pouco mais de dois minutos que está a fazer furor nas redes sociais.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Como um Lamborghini pode ajudar a vender carros da Kia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião