Erdogan critica Banco Central por aumento “abrupto” das taxas de juro

  • Lusa
  • 14 Setembro 2018

Recep Erdogan avisou, esta sexta-feira, o Banco Central de que a sua paciência tem limites e criticou a decisão de aumentar "abruptamente" as taxas de juros.

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, criticou, esta sexta-feira, a decisão do Banco central de aumentar abruptamente as taxas de juro, ao referir que o país “verá os resultados” da independência do banco.

Na quinta-feira, a instituição bancária aumentou a sua taxa de referência de 17,75% para 24% em resposta à atual crise. A decisão sugere que está a reafirmar a sua independência apesar das pressões de Erdogan para manter as taxas de juro baixas.

Ao dirigir-se a responsáveis do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP, no poder) Erdogan disse: “Vamos, tenham a vossa independência. Veremos os resultados da independência”. Erdogan avisou ainda que a sua paciência com o banco tem limites.

O líder turco repetiu o argumento de que os problemas com a moeda turca fazem parte de uma conspiração internacional que foi desencadeada pelo facto de a Turquia não “responder” às exigências de Washington.

Os Estados Unidos têm vindo a pressionar a Turquia para a libertação de um pastor protestante norte-americano detido no país desde 2016, e impuseram um conjunto de sanções a Ancara.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Erdogan critica Banco Central por aumento “abrupto” das taxas de juro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião