BCP avança com emissão de dívida subordinada com juro superior a 4%. Quer emitir até 500 milhões de euros

  • ECO
  • 20 Setembro 2019

De acordo com o Jornal de Negócios, o BCP está no mercado para emitir entre 400 e 450 milhões de euros em dívida a dez anos e seis meses. Juro indicativo é superior a 4%.

O Banco Comercial Português avançou esta manhã com uma emissão de dívida subordinada a dez anos e seis meses, arrancando com um juro indicativo superior a 4%, avança o Jornal de Negócios (acesso condicionado), citando a agência Bloomberg.

O banco pretende colocar entre 400 e 450 milhões de euros. O BCP anunciou na sexta-feira ter mandatado o Credit Suisse, o Goldman Sachs International e o JP Morgam para avançarem com a emissão.

Segundo a Bloomberg, que cita fontes não identificadas com conhecimento da operação, o juro fixado pelo BCP é de 4,1255%, e as obrigações vencem em março de 2030. No entanto, a emissão contempla uma opção para o reembolso antecipado em março de 2025.

O juro é fixo nos primeiros cinco anos. Passados esses cinco anos, depois da data do reembolso antecipado, quem escolher continuar a deter estas obrigações terá uma remuneração equivalente à taxa mid-swap a cinco anos, mais a margem.

(Artigo em atualização)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP avança com emissão de dívida subordinada com juro superior a 4%. Quer emitir até 500 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião