Concorrência acusa operadoras de telecomunicações de cartel na publicidade no Google

  • ECO
  • 18 Julho 2020

Há mais uma acusação da Autoridade da Concorrência à Meo, NOS, Vodafone e Nowo, desta vez sobre um cartel quando há uma pesquisas no motor de busca da google.

A Autoridade da Concorrência (AdC) acusou a Meo, a NOS, a Vodafone e a Nowo de terem celebrado um cartel para limitar a concorrência em publicidade no motor de busca Google, em prejuízo dos consumidores. A investigação da AdC revelou que “o cartel terá tido início em 2010, não havendo prova de que tenha cessado”, e o processo, aberto em janeiro de 2019, resultou de uma denúncia efetuada no âmbito do Programa de Clemência, ou seja, por um dos operadores agora acusados.

Até ao momento, não foi possível obter qualquer reação das empresas visadas. Segundo a acusação, “quando os utilizadores fazem pesquisas no Google sobre serviços de telecomunicações contendo o nome de um dos operadores, nos resultados de maior visibilidade nesse motor de busca, não encontram as propostas para o mesmo serviço dos restantes operadores concorrentes, o que dificulta a comparação das ofertas”.

Na prática, refere o comunicado da Concorrência, “o cartel processa-se pela abstenção de comunicação de três operadores concorrentes com os consumidores através dos resultados de maior visibilidade e destaque no Google, privando o consumidor do acesso fácil a propostas alternativas”.

Com esta acusação termina a fase de inquérito, “dando início à fase de instrução do processo, na qual é dada oportunidade às empresas visadas de exercerem o seu direito de audição e defesa em relação ao ilícito que lhes é imputado e à sanção ou sanções em que poderão incorrer”, explicita a Autoridade da Concorrência, presidida por Matos Rosa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Concorrência acusa operadoras de telecomunicações de cartel na publicidade no Google

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião