Naturgy prevê implementar 300 ações por ano no âmbito do Plano Ambiental Global até 2022

  • Europa Press
  • 22 Setembro 2020

A energética espanhola Naturgy espera avançar com 300 iniciativas anuais em prol da biodiversidade e o ambiente, no âmbito do seu compromisso na área da sustentabilidade.

O Plano Ambiental Global da empresa estabelece como meta a realização de 300 iniciativas el prol da biodiversidade em cada ano, até 2022, contra as 257 cumpridas em 2019.

Com as ações realizadas no ano passado, a Naturgy restaurou mais de 2.600 hectares de superfície ambiental, dos quais 60% correspondem a áreas protegidas ou habitats de espécies protegidas.

A implementação da “economia circular” é uma das chaves do compromisso da energética para com o meio ambiente. Em 2019, o grupo reduziu as suas emissões de CO2 em 16%, baixou também em 25% a utilização de água nas suas atividades, conseguiu gerar menos 66% de resíduos e revalorizou ou reciclou 57% dos resíduos produzidos.

Graças a estes números e iniciativas, a Naturgy obteve em 2019 a maior pontuação no índice CDP (Carbon Disclosure Project), tornando-se a única empresa de energia espanhola e uma das cinco no mundo a alcança-lo.

Do mesmo modo, durante 2019, a empresa realizou mais de 100 estudos, especialmente no campo das instalações de produção (centrais térmicas, hidráulicas e eólicas) e distribuição de eletricidade, com o objetivo de monitorizar o estado ambiental e ecológico. Além disso, levou a cabo 90 iniciativas para a conservação de espécies e áreas naturais protegidas.

No que diz respeito à utilização da água nas atividades da empresa, a água recolhida do mar representa 96% do total, a água reutilizada 3% e a água doce 1%.

Além disso, 98% da água recolhida é devolvida ao ambiente. Depois de a água ser utilizada, são gerados fluxos de águas residuais que são tratados para reduzir a poluição antes de serem descarregados no ambiente.

A maior quantidade de água descarregada corresponde às centrais térmicas, onde é efetuada monitorização e análise, que de acordo com os dados de Naturgy não geraram qualquer impacto nos ecossistemas aquáticos afetados.

As iniciativas do grupo na área da biodiversidade e do ambiente estão espalhadas por todo o mundo, destacando-se a recuperação ambiental das áreas afetadas pela construção do parque eólico Crookwell (Austrália), com a replantação de pastagens, a plantação de mais de três mil árvores e o controlo para evitar plantas invasoras.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Naturgy prevê implementar 300 ações por ano no âmbito do Plano Ambiental Global até 2022

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião