Apresentação do OE 2021 adiada para amanhã às 9h00

O Ministério das Finanças adiou a conferência de imprensa de apresentação do Orçamento do Estado para 2021 para terça-feira às 9h.

Ao contrário do esperado, a conferência de imprensa do Orçamento do Estado para 2021 só ocorrerá esta terça-feira às 9h. A expectativa era que a apresentação fosse esta segunda-feira, tendo existido a indicação de que poderia ocorrer mais cedo do que em anos anteriores, o que não veio a concretizar-se.

O Ministro de Estado e das Finanças, João Leão, e a sua equipa de secretários de Estado apresentam o Orçamento do Estado para 2021, amanhã, 13 de outubro, pelas 9 horas, no Salão Nobre do Ministério das Finanças“, lê-se no comunicado enviado às redações.

À semelhança do que aconteceu nos últimos dois anos, a conferência de imprensa é assim adiada para a manhã do dia seguinte à entrega do documento no Parlamento.

Apesar deste adiamento, é expectável que o ministro das Finanças, João Leão, entregue a proposta do OE 2021 ao presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, esta segunda-feira antes da meia-noite. Em anos anteriores, a proposta chegou a ser entregue muito perto da hora limite.

A conferência de imprensa será transmitida na conta do Twitter do Governo e do Ministério das Finanças.

(Notícia atualizada às 19h53 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Apresentação do OE 2021 adiada para amanhã às 9h00

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião