Depois do espetáculo “inaceitável” da F1, MotoGP fica sem público

Já foi comunicado aos promotores da prova de motociclismo, o MotoGP que o público “não está autorizado”, anunciou António Costa.

António Costa não gostou do que viu no passado fim de semana, no Algarve. Considera que o que se passou no Grande Prémio de F1 em Portimão foi “inaceitável” num contexto de pandemia, por isso vai proibir a presença de público no MotoGP que terá lugar no final de novembro, no Autódromo Internacional do Algarve.

O primeiro-ministro considera que o que aconteceu no fim de semana de 24 e 25 de outubro, na prova do calendário da F1 realizada em Portimão, é “absolutamente inaceitável e irrepetível”.

Sublinhou que o mesmo não poderá acontecer no Grande Prémio de Moto GP, anunciando que já foi comunicado aos promotores da prova de motociclismo que o público “não está autorizado”.

Recorde-se que o regresso da F1 a Portugal, 24 anos depois da última vez que a prova rainha do automobilismo passou pelo nosso país, contou com 27.500 pessoas nas bancadas do Autódromo Internacional do Algarve.

Muitas foram as críticas à autorização dada pelas autoridades de saúde para a presença de tantas pessoas no recinto, numa altura em que nos jogos de futebol continuam a ser feitos testes com um número limitado de espetadores. Foram registadas várias imagens que mostraram bancadas cheias para ver a vitória de Lewis Hamilton, sem o cumprimento das regras de distanciamento social necessárias.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Depois do espetáculo “inaceitável” da F1, MotoGP fica sem público

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião