Governo quer TAP Express a apoiar crescimento do aeroporto do Porto

"Vamos aumentar a capacidade de servir a região norte a partir do aeroporto Sá Carneiro”, prometeu o ministro Pedro Nuno Santos.

O aeroporto do Porto poderá vir a crescer com o apoio da TAP Express. A expectativa é do ministro das Infraestruturas e da Habitação Pedro Nuno Santos que disse, esta terça-feira no Parlamento, que o Governo pretende aumentar a capacidade de servir a região norte a partir do aeroporto Sá Carneiro. O Governo está a negociar com Espanha uma ligação a Vigo.

“O Aeroporto Sá Carneiro é o principal aeroporto do noroeste peninsular e tem potencial para crescer. A TAP tem um papel importante no aeroporto, nunca vai perder e vamos tentar, através desta aposta na Portugália, aumentar também a viabilidade, fazer outro tipo de voos a partir do Porto”, disse o ministro numa audição na Comissão Parlamentar de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação.

O plano de reestruturação da TAP, cuja proposta foi enviada para Bruxelas no dia 10 de dezembro, prevê que o número de trabalhadores da TAP Express (antiga Portugália) fique inalterado e que a frota até aumente. “A aposta na TAP Express vai, pelo menos, permitir, ou tornar viável, um conjunto de operações que não são, se forem feitas pela TAP“, apontou Pedro Nuno Santos.

“Vamos aumentar a capacidade de servir a região norte a partir do Sá Carneiro, mas, mais uma vez, é um trabalho da gestão e que depende da procura”, referiu o ministro. Defendeu, no entanto, que é necessário procurar “equilíbrio” no impacto da TAP para as contas públicas, bem como da coesão territorial. “Não podemos transformar a TAP num peso permanente para o aeroporto“, sublinhou.

O socialista anunciou igualmente que o Governo está a trabalhar com Espanha para que a ligação ferroviária Porto-Vigo (incluída no Programa Nacional de Investimentos 2030) passe pelo aeroporto Francisco Sá Carneiro para aumentar a “capacidade de atração” do aeroporto. “Temos um tempo de viagem entre Porto e Vigo que é incompreensível”, disse, apontando a intenção que este trajeto passe a ser feito em 55 minutos, em comparação com as atuais duas horas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo quer TAP Express a apoiar crescimento do aeroporto do Porto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião