Rimac associa-se à Porsche à procura de futuro elétrico para a Bugatti

  • Lusa
  • 6 Julho 2021

A Rimac e a Porsche, uma filial da Volkswagen, anunciaram uma aliança, com a formação de uma empresa conjunta, detida pelos croatas em 55%.

O centenário fabricante automóvel Bugatti vai passar a ser controlado pelo croata Rimac, que vai procurar inventar um futuro elétrico para esta conhecida marca de viaturas, com o apoio e a experiência da Porsche.

Ao fim de vários meses de especulação, a Rimac e a Porsche, uma filial da Volkswagen, anunciaram a sua aliança, com a formação de uma empresa conjunta, detida pelos croatas em 55%.

Batizada Bugatti-Rimac, a empresa vai estar sediada em Zagreb e ser dirigida por Mate Rimac, de 33 anos, designado pela imprensa como “o Elon Musk dos Balcãs”.

A entidade deve começar a funcionar no quarto trimestre deste ano.

Mate Rimac fundou a sua empresa em 2009 e emprega mais de mil pessoas. A fábrica da Rimac Automibili está instalada em Sveta Nedelja, perto de Zagreb, e aposta em atrair construtores para a Croácia, mais do que em deslocalizar a sua produção.

Em comunicado comum, o construtor croata assegurou que vai combinar “a forte perícia da Bugatti (…) com a grande força de inovação da Rimac no domínio prometedor da mobilidade elétrica”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Rimac associa-se à Porsche à procura de futuro elétrico para a Bugatti

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião