BRANDS' ECO Novo normal: 4 tendências do marketing para 2022

  • ECO + Salesforce
  • 23 Novembro 2021

Conheça as principais conclusões da sétima edição do relatório State of Marketing, conduzido pela Salesforce, com base num inquérito a mais de oito mil profissionais da área em todo o mundo.

Os profissionais de marketing em Portugal estão otimistas acerca do futuro das suas organizações, apesar das mudanças e desafios sem precedentes do passado recente, que corresponderam a um investimento significativo em ferramentas, tecnologia e canais, consideradas indispensáveis na era do mercado a partir de qualquer lugar. Esta é uma das principais conclusões da sétima edição do relatório State of Marketing, baseado num inquérito que contou com a participação de mais de oito mil e 200 líderes de marketing em 37 países e seis continentes, incluindo 91 de Portugal.

“Ao longo de pouco mais de um ano, os profissionais de marketing em Portugal navegaram por mudanças no comportamento do cliente que normalmente acontecem em vários anos”, afirma Fernando Braz, Country Leader da Salesforce Portugal. “Os insights da edição deste ano do State of Marketing Report facultam-nos uma boa referência para o que mudou, o que é consistente e para onde se dirige a arte e a ciência do marketing a partir daqui”.

"A multiplicação de canais de interação tem aumentado a complexidade e é cada vez mais difícil dar respostas que satisfaçam plenamente as expectativas dos clientes”

Laura Guzmán Linares

Area Vice President Cloud Sales da Salesforce Iberia

Múltiplos canais, mais dados

De acordo com o documento, 67% dos profissionais de marketing portugueses concordam que as expectativas do cliente são mais difíceis de responder do que há um ano. Para se adaptarem, os profissionais de marketing estão a inclinar-se para as transformações digitais que iniciaram antes da pandemia — 49% afirmam que a pandemia mudou a sua estratégia de envolvimento digital e 43% dizem que alterou a sua conjugação de canais de marketing.

Laura Guzmán Linares, Area Vice President Cloud Sales da Salesforce Iberia.

“A multiplicação de canais de interação tem aumentado a complexidade e é cada vez mais difícil dar respostas que satisfaçam plenamente as expectativas dos clientes”, contextualiza Laura Guzmán Linares, Area Vice President Cloud Sales da Salesforce Iberia, que considera “essencial adotar uma ‘cultura de dados’ nas empresas, que permita aproveitar ao máximo toda a informação sobre os clientes, recolhida através dos diferentes canais, a fim de oferecer o produto ou serviço mais adequado às suas necessidades e expectativas”.

66%
Proporção de profissionais de marketing portugueses que espera um crescimento nas receitas da sua organização nos próximos 12 a 18 meses

Conheça, de seguida, as principais tendências do marketing identificadas no relatório.

  1. Aceleração digital e multiplicação dos canais
    À medida que os consumidores aderem à transição digital, os profissionais de marketing multiplicam os canais de comunicação com o público. O website/app, as redes sociais e o vídeo são os três canais de marketing mais utilizados em Portugal. Também as plataformas usadas pelos profissionais para acompanhar o envolvimento do público se multiplicam. Como resultado, 83% dos profissionais dizem que a sua capacidade de corresponder às expectativas dos clientes depende das suas habilidades digitais, que se tornaram ainda mais relevantes com a pandemia.
  2. Colaboração a partir de qualquer lugar
    78% das organizações de marketing em Portugal estão a adotar novas políticas em relação ao trabalho remoto, mas esta é uma tendência que se estende um pouco por todo o mundo, embora com diferenças regionais. De forma global, 75% dos profissionais de marketing dizem que a pandemia transformou permanentemente a forma como colaboram e se comunicam no trabalho. Esta colaboração deixou de estar ligada a escritórios — agora, um grupo de trabalho distribuído está a reavaliar a forma como se envolve não apenas com os clientes, mas entre si.
  3. Marketing escreve-se com dados
    A gestão de dados está a tornar-se mais complexa à medida que as fontes se multiplicam. Os profissionais de marketing em todo o mundo esperam um aumento de 40% no número de fontes de dados que utilizam entre 2021 e 2022. Em Portugal, 63% dos profissionais afirmam que as suas interações com os clientes são orientadas por dados e apenas 31% dizem estar satisfeitos com a utilização de dados na criação de experiências mais relevantes.
  4. Evolução continuada das métricas e KPIs
    A definição de sucesso na área do marketing já estava a transformar-se antes de 2020, mas a pandemia impulsionou a mudança radical das expectativas e comportamento dos consumidores, além dos objetivos de negócio, acelerando a transformação de fundo. Em Portugal, 70% dos profissionais de marketing reavaliaram os seus KPIs e métricas de sucesso devido à pandemia, sendo que 89% avaliam o impacto das ações de marketing nas vendas, 75% na faturação e 74% no envolvimento com os conteúdos criados.

Aceda aqui ao relatório completo State of Marketing Report da Salesforce.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Novo normal: 4 tendências do marketing para 2022

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião