BRANDS' ECO Euronext lança nova edição do TechShare

  • BRANDS' ECO
  • 25 Janeiro 2022

A 7ª edição do programa dirigido às tecnológicas que considerem o financiamento através do mercado de capitais traz seis novos participantes das áreas de Software, Healthtech e Biotech.

Arranca esta terça-feira, 25 de janeiro, a nova edição do TechShare, programa da Euronext de informação e motivação sobre o mercado de capitais dirigido a empresas tecnológicas. Em Portugal, foram 26 as candidaturas válidas submetidas, e seis as empresas selecionadas: Bidirco Engineering Systems, Imaginary Cloud, Immunethep, IMP Diagnostics, Nonius Hospitality Technology, e outra que prefere manter o anonimato.

Durante seis meses, os gestores destas tecnológicas vão participar em sessões programadas, individuais e coletivas, com a Euronext e os seus parceiros especialistas – Caixa Bank / BPI (banco), CV&A (comunicação), Morais Leitão (jurídico) e PwC (consultoria) -, para discutirem abertamente tópicos relacionados com áreas fundamentais para a preparação de uma admissão em mercado.

"O objetivo do programa TechShare é demonstrar que o mercado deve ser sempre considerando, e pode ser usado em diferentes fases do ciclo de vida das empresas, seja numa fase inicial – em vez de optarem pelos tradicionais Venture Capital ou Private Equity – ou mais tarde, mostrando que é possível conciliar a angariação dos fundos necessários com a desejável preservação de controlo nos seus fundadores.”

O programa está estruturado em vários módulos complementares, que abordam tópicos como o processo de avaliação das empresas, a comunicação financeira, a relação com os investidores, a perspetiva jurídica, e o governo das sociedades, entre outros.

Para além do diálogo com os parceiros especialistas, o programa favorece o contacto com os outros participantes, nomeadamente nos campus de início e final do ano letivo. Nestes campus, onde se reúnem todas as empresas e todos os parceiros da Europa, são também convidados especialistas internacionais, académicos e empresários, para partilharem as suas experiências no âmbito da importância da mentalidade empreendedora, do crescimento, da internacionalização, da gestão, e da atração e retenção de talentos.

O campus do final deste ano letivo terá lugar em junho, na Nova SBE, que receberá as 122 empresas participantes provenientes da Alemanha, Bélgica, Espanha, França, Holanda, Irlanda, Itália, Portugal e Suíça, bem como todos os parceiros especialistas de cada país.

Perfil dos participantes

As empresas dos nove países participantes selecionadas para esta edição provêem maioritariamente dos setores de TMT – tecnologia, media e telecomunicações (64%), Life Sciences (27%), e Cleantech (9%). Os participantes têm um perfil maduro, e geram receitas médias anuais de cerca de 32 milhões de euros, empregando, em média, cerca de 150 pessoas. Em 2020, estas empresas terão angariado uma média de 14 milhões de euros de capital.

O TechShare é um programa gratuito e as candidaturas decorrem todos os anos, entre maio e outubro.Euronext

O mercado de capitais como alternativa de financiamento

2021 foi o ano mais ativo em admissões no Grupo Euronext nos últimos 10 anos. Entraram 212 empresas nos mercados Euronext, e o setor das tecnológicas representou mais de metade das novas empresas cotadas. De entre as admissões, destacaram-se alguns participantes em edições anteriores do programa TechShare, tais como a Biotalys, em Bruxelas, a MotorK, em Amesterdão, ou a Waga Energy, Enogia, Obiz, Afyren, Transition e Evergreen, em Paris.

Abrir o capital de uma empresa é uma decisão importante e um marco para as equipas de gestão das empresas, principalmente numa indústria em que a capacidade de inovar, e de inovar rapidamente, é decisiva para a afirmação das empresas tecnológicas, originando necessidades de capital recorrentes. Para a Euronext, “o objetivo do programa TechShare é demonstrar que o mercado deve ser sempre considerando, e pode ser usado em diferentes fases do ciclo de vida das empresas, seja numa fase inicial – em vez de optarem pelos tradicionais Venture Capital ou Private Equity – ou mais tarde, mostrando que é possível conciliar a angariação dos fundos necessários com a desejável preservação de controlo nos seus fundadores”.

O TechShare é um programa gratuito para as empresas participantes. As candidaturas decorrem todos os anos, entre maio e outubro, e estão abertas a todas as tecnológicas que considerem que o financiamento do seu crescimento pode ser feito através do mercado de capitais.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Euronext lança nova edição do TechShare

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião