Wall Street no vermelho com tensão crescente entre EUA e China

  • Joana Abrantes Gomes
  • 2 Agosto 2022

A visita da líder do Congresso dos EUA a Taiwan deixou um sentimento negativo nas principais bolsas norte-americanas, mas as subidas dos juros dominam as preocupações dos investidores.

A bolsa de Nova Iorque voltou a encerrar em terreno negativo esta terça-feira, num dia marcado por negociações agitadas devido à chegada da líder do Congresso dos EUA a Taiwan, aumentando a tensão entre Washington e Pequim, que reivindica soberania sobre a ilha.

O índice de referência financeiro, S&P 500, recuou 0,68% para 4.090,43 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq caiu 0,12% para 12.354,43 pontos. O industrial Dow Jones registou o pior desempenho da sessão, ao perder 1,25% para 32.387,80 pontos.

Nancy Pelosi, que chegou esta terça-feira a Taipé, disse que a sua viagem à ilha asiática serve para demonstrar a solidariedade dos EUA para com Taiwan, mas a China condena a visita da responsável norte-americana, considerando-a uma ameaça à paz e à estabilidade da região.

Este cenário fez aumentar o apetite dos investidores pelo risco, mas este entusiasmo atenuou face às expectativas em torno das subidas das taxas de juro pela Reserva Federal dos EUA, que se prevê que distancie da política monetária mais agressiva.

Esta terça-feira, três responsáveis do banco central norte-americano sinalizaram que permanecem resolutos e “completamente unidos” na subida das taxas de juro para um nível que irá restringir mais significativamente a atividade económica e combater a inflação mais elevada dos últimos 40 anos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street no vermelho com tensão crescente entre EUA e China

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião