Dados de Costa e Marcelo expostos após ciberataque à TAP

  • ECO
  • 23 Setembro 2022

Grupo de hackers expôs dados pessoais do primeiro-ministro, do Presidente da República e de altos responsáveis das forças e serviços de segurança após o ataque informático aos servidores da TAP.

O primeiro-ministro, António Costa; o diretor do Serviço de Informações de Segurança (SIS), Adélio Neiva da Cruz; o comandante-geral da GNR, Rui Clero; e o líder do Chega, André Ventura, tiveram os seus dados expostos na dark web pelo grupo de hackers Ragnar Locker, que atacou os servidores da TAP em agosto, adianta o Expresso (acesso pago). Foram também divulgados alguns dados pessoais do Presidente da República na sequência do mesmo incidente, noticiou entretanto o Público (acesso pago).

Em relação a Costa foi tornada pública apenas uma morada antiga, tendo sido exposto o e-mail de uma colaboradora do seu gabinete. Já Ventura teve o seu número pessoal e e-mail expostos, mas não a morada de casa. Quanto a Neiva da Cruz e Rui Clero foram revelados a morada, o número de telemóvel e email.

O grupo de hackers expôs a informação privada de 1,5 milhões de pessoas na internet, e até alegados acordos comerciais da companhia foram revelados. Esta semana, a TAP disse não ter indícios de que dados de pagamento tenham sido exfiltrados dos seus sistemas.

Marcelo já foi informado da partilha de informações

Alguns dados pessoais da maior figura de Estado também foram divulgados na deep web após o ataque informático do grupo Ragnar Locker à companhia aérea portuguesa, segundo avança esta tarde o Público, sem especificar que tipo de dados foram partilhados.

Numa nota, a Presidência da República, citada pelo mesmo jornal, adianta que Marcelo Rebelo de Sousa já tomou conhecimento de que algumas informações fazem parte dos ficheiros partilhados pelos hackers e que serão tomadas precauções quanto às informações mais sigilosas.

Na base de dados constam pelo menos 392 e-mails com o domínio gov.pt, o que indicia que as vítimas do ciberataque integram organizações governamentais portuguesas. Há ainda vários endereços de correio eletrónico de outras entidades estatais espalhadas pelo mundo.

(Notícia atualizada às 13h37 com a informação da partilha de dados do Presidente da República)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Dados de Costa e Marcelo expostos após ciberataque à TAP

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião