Acredita no poder da inspiração?

Futuristas encontram forte correlação entre a inspiração e o crescimento das marcas. Eu já me juntei à conversa.

Entrei na conversa um pouco por acaso através do hashtag #WTInspire. E entrei num novo paper da Wunderman Thompson (WT) que promete quebrar os códigos da inspiração, ou seja, mostrar por que razão as marcas precisam de inspirar, como a inspiração leva ao crescimento do negócio e o que podem as marcas fazer para inspirar os consumidores.

A inspiração é daquelas palavras por vezes gasta, ou mesmo mal aplicada. Sinto o mesmo em relação à criatividade. É fácil usá-las, sem rigor, apenas como um qualificativo qualquer que fica bem em qualquer texto. Mas neste caso a inspiração surge num trabalho rigoroso que estudou mais de 33 mil marcas, em 183 categorias, em 45 mercados e ao longo de seis anos.

De forma resumida, a WT diz que as marcas não estão a fazer o suficiente. Os números indicam que 72% dos consumidores querem que as marcas os inspirem, mas indicam também que apenas 53% sentem realmente essa inspiração, um “inspiration gap” que pode ser entendido como uma enorme oportunidade de crescimento para as marcas. Ou seja, uma marca inspiradora tem mais 63% de capacidade de ser procurada, 52% de capacidade de aumentar o seu preço e 48% de converter admiradores em consumidores.

Diria que esse gap de inspiração que pode ser reclamado por qualquer marca é o desafio atual das empresas, no contexto de pandemia que vivemos, em que a inspiração pode transformar o dia de qualquer um de nós. Até porque este estudo releva que mais do que notoriedade, é a inspiração que traz o crescimento e é o “next step” da evolução do marketing.

Entre as marcas mais inspiradoras de momento estão a Amazon, a Samsung e a Apple. A tecnologia a motivar-nos através de novos produtos, novas experiências e serviços com a promessa de transformar as nossas vidas. Somos curiosos por natureza, uns mais do que outros, mas a conclusão a que se chega é que estamos todos motivados para “discover new things”.

O meu domingo será por aqui, até porque como comecei por escrever a inspiração é mais do que uma simples palavrada aplicada quando nos convém. O Estudo da WT é extenso e intenso. E atualizado de acordo com as alterações do mercado. A conversa continua por aqui #WTInspire.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Acredita no poder da inspiração?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião