Investidores exigem 9,2 mil milhões à Volkswagen

  • Rita Atalaia
  • 21 Setembro 2016

Os investidores acusam a Volkswagen de ter demorado a revelar a manipulação das emissões de gases nos carros a gasóleo.

Os investidores estão a exigir 8,2 mil milhões de euros (9,2 mil milhões de dólares) à Volkswagen AG, devido às perdas que sofreram após o escândalo relacionado com a manipulação das emissões de gases nos carros a diesel.

A empresa tem atualmente 1.400 processos pendentes no tribunal regional de Braunschweig, o distrito que gere as questões legais na região onde a Volkswagen está sediada, disse o tribunal esta quarta-feira.

Os investidores alegam que foram penalizados pelo facto de a fabricante automóvel ter demorado a revelar o problema. A Volkswagen rejeitou as alegações.

Apesar de ser um montante elevado, fica abaixo dos 10,7 mil milhões de euros que eram previstos. O governo dos EUA entre entre os investidores e exige 30 milhões de euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Investidores exigem 9,2 mil milhões à Volkswagen

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião