Autoeuropa vai contratar 1.500 trabalhadores para novo modelo

A fábrica da Volkswagen em Palmela arranca nos próximos meses com o recrutamento de trabalhadores que vão construir um novo modelo da marca a partir de meados de 2017, apurou o Jornal de Negócios.

A Volkswagen prepara-se para engrossar o número de trabalhadores ao seu serviço na fábrica de Palmela no seguimento do arranque da produção de um novo modelo previsto para meados do próximo ano. Segundo avança o Jornal de Negócios (acesso pago), a unidade de Palmela vai lançar nos próximos meses uma campanha de recrutamento de 1.500 novos trabalhadores que vão participar novo modelo cuja produção deverá ascender a 200 mil unidades por ano, em 2018.

Segundo apurou o Jornal de Negócios, o recrutamento será feito em várias fases, com a primeira a ser lançada ainda este ano, que começarão a ser preparados para trabalhar na construção deste novo modelo que começa a ser produzido no início do segundo semestre do próximo ano.

Questionado pela publicação económica sobre o número de trabalhadores que a fábrica pretende contratar, o diretor-geral da Autoeuropa não adiantou números, optando por destacar que o recrutamento vai ser relevante.

“É prematuro falar em números, obviamente que estamos ainda a algum tempo da contratação e do início da produção, mas será com certeza uma contratação maciça”, disse Miguel Sanches ao Jornal de Negócios à margem da conferência do Fórum Indústria Automóvel de Palmela (FIAPAL) que teve lugar esta quinta-feira, 20 de outubro.

O novo modelo ainda não é conhecido e só será revelado no primeiro trimestre do próximo ano.

Comentários ({{ total }})

Autoeuropa vai contratar 1.500 trabalhadores para novo modelo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião