Os novos A330neo da TAP já não chegam em 2017

Na melhor das hipóteses, os 14 aviões encomendados pela TAP chegam até março de 2018.

Os novos A330neo, que a TAP encomendou à Airbus, já não vão chegar até ao final de 2017, disse Fernando Pinto, presidente executivo da companhia aérea portuguesa, ao Wall Street Journal.

A TAP encomendou 14 dos 186 A330neo que a Airbus vendeu e a ideia era que estes aviões chegassem até ao final do próximo ano. Mas a fabricante de aeronaves atrasou os planos da TAP e, agora, na melhor das hipóteses, os aviões chegam até março de 2018, adiantou Fernando Pinto.

Contactada pela Bloomberg, a Airbus recusou fazer quaisquer comentários.

A renovação da frota da TAP foi uma promessa de David Neeleman, durante o processo de privatização da companhia aérea portuguesa, que acabou por ganhar juntamente com Humberto Pedrosa. Ao todo, serão 53 novos aviões, para complementar e renovar a atual frota, composta por 77 aviões.

Além dos 14 A330neo, para os voos de longo curso, virão 39 A320neo, para voos de médio curso, considerados mais baratos e eficientes.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Os novos A330neo da TAP já não chegam em 2017

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião