Dow Jones termina semana de recordes a desvalorizar

Esta foi uma semana de recordes para o Dow Jones. O índice ultrapassou a marca histórica dos 20.000 pontos, mas o fecho da semana foi menos positivo: o índice caiu acompanhando o S&P 500.

O crescimento abrandou nos Estados Unidos e os mercados não gostaram: depois de uma semana de recordes, o Dow Jones fechou com uma ligeira queda esta sexta-feira, acompanhando uma desvalorização ainda mais forte do S&P 500. Já o Nasdaq fechou a semana com uma valorização pouco expressiva.

Esta sexta-feira ficou marcada pelo encontro entre Donald Trump e Theresa May. Em causa está a relação entre os EUA e o Reino Unido que, anunciaram os dois líderes, será “fantástica”. Esta aliança entre os britânicos e os norte-americanos — que se vai cimentar num futuro acordo comercial entre os dois países — não bastou para animar Wall Street.

A bolsa norte-americana abriu apenas com o Dow Jones no verde, mas o índice que acumulou recordes esta semana, após atingir os 20 mil pontos, acabou esta sexta-feira a desvalorizar 0,04% para os 20.093,78 pontos. Porém, o Nasdaq — que começou o dia a cair — subiu 0,1% esta sexta-feira para os 5.660,78, evitando terminar a semana no terreno negativo.

O dia foi também negativo para o S&P 500 que caiu 0,14% para os 2.293,18 pontos. Este resultado contrasta com a informação da Bloomberg de que cerca de um terço das empresas do índice já apresentaram resultados financeiros e que 68% dessas ultrapassaram as estimativas. Hoje as ações da Microsoft e da Intel valorizaram enquanto as ações do Starbucks caíram após a divulgação dos resultados.

Uma das possíveis explicações pode ser a divulgação dos dados sobre o crescimento económico esta sexta-feira pelo Departamento do Comércio dos Estados Unidos. É que a surpresa positiva do terceiro trimestre não voltou a acontecer no último trimestre de 2016: o PIB cresceu 1,9% nos últimos três meses de 2016 comparativamente os surpreendentes 3,5% no terceiro trimestre.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Dow Jones termina semana de recordes a desvalorizar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião