Mota-Engil faturou 2,2 mil milhões em 2016

  • Lusa
  • 15 Março 2017

A Mota-Engil divulgou alguns indicadores preliminares não auditados relativos ao exercício de 2016, que incluem designadamente um volume de negócios no montante de 2,2 mil milhões de euros.

A Mota-Engil divulgou hoje alguns indicadores preliminares não auditados relativos ao exercício de 2016, que incluem designadamente um volume de negócios no montante de 2,2 mil milhões de euros.

O valor do volume de negócios representa uma redução de 9% em relação a 2015, mas um crescimento de 4% se se excluírem efeitos cambiais, especificou a empresa, em comunicado colocado no sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Da atividade resultou uma margem EBITDA de 15%, que não variou em relação ao ano anterior. A empresa definiu EBITDA como a soma algébrica das rubricas de demonstração de resultados ‘vendas e prestações de serviços’, ‘outros rendimentos’, ‘custo das mercadorias vendidas e das matérias consumidas, variação da produção e subcontratos’, ‘fornecimentos e serviços externos’, ‘gastos com pessoal’ e ‘outros rendimentos/gastos operacionais’.

A dívida líquida atingiu os 1,2 mil milhões de euros, menos 16% do que em 2015, e o investimento líquido (aquisições menos alienações) os 67 milhões de euros.

A empresa encerrou o ano com uma carteira de 4,4 mil milhões de euros, dos quais 4,0 mil milhões no estrangeiro. Estes valores referem-se a volume de negócios a reconhecer no futuro relativo a projetos para os quais os respetivos contratos já foram assinados ou adjudicados e o cliente já assegurou o financiamento, acrescentou a Mota-Engil.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mota-Engil faturou 2,2 mil milhões em 2016

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião