Metro quadrado: Loja com terraço e jardim no centro Lisboeta

  • ECO + JLL
  • 16 Maio 2017

Imagine uma loja no centro de Lisboa, onde os clientes podem usufruir de um terraço e jardim privado.

Isto é possível no edifício Nouveau Lisboa, um projeto contemporâneo e inovador com 21 apartamentos 100% vendidos, mas que tem ainda uma loja disponível para arrendamento no piso térreo. Com uma área de 311 m² cobertos e 202 m² de terraço e jardim interior, este espaço localizado na Avenida de Berna, está a ser comercializado pela JLL.

Com uma centralidade única, a poucos minutos da Gulbenkian, do El Corte Inglés, do Saldanha e do Marquês de Pombal, o negócio a instalar neste espaço irá usufruir de grande visibilidade, que será ainda potenciada graças à fachada dinâmica e sofisticada do edifício. Este é, de facto, um dos grandes fatores diferenciadores deste edifício, cuja imagem da fachada muda de acordo com o abrir e fechar das janelas ou o acender e apagar das luzes.

A Avenida de Berna é um dos eixos mais movimentados da capital, concentrando um elevado número de população flutuante, serviços e excelentes acessibilidades. Além disso, a própria rua e a sua envolvente é uma zona de escritórios consolidada, onde se concentram sedes de empresas multinacionais, bancos, companhias de seguros, advogados, consultores, hotéis e lojas, o que proporciona um intenso tráfego.

A conclusão do Nouveau Lisboa está prevista para março de 2018.

Obtenha mais informações sobre a loja.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Metro quadrado: Loja com terraço e jardim no centro Lisboeta

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião