Multas nos transportes? Vai ter desconto se pagar logo

  • ECO
  • 13 Junho 2017

O Governo quer recuperar o regime de bonificação no pagamento automático das multas nos transportes públicos. Prevê descontos de 50%, havendo um bónus de 75% para multas antigas.

Para contrariar um “sentimento de impunidade generalizado” pela falta de título válido nos transportes públicos, o Governo está a preparar alterações à legislação. Aponta a uma fiscalização mais apertada, mas pretende avançar com descontos para quem fizer o pagamento de forma voluntária. E que tem multas antigas beneficiará de um perdão de 75%.

De acordo com o Jornal de Notícias, o projeto de decreto-lei prevê que quem for multado por falta de bilhete nos transportes públicos possa pagar automaticamente ou até 15 dias depois beneficiando de uma redução de 50% no valor da coima. Mas passado esse tempo, o processo segue para o Instituto da Mobilidade e para as Finanças. Aí terá de pagar a totalidade. O mínimo é de 90 e o máximo é de 500 euros.

Este regime de pagamento voluntário também irá ter efeitos retroativos, ou seja para multas pré-existentes à publicação da legislação. Neste caso, refere o jornal, os utilizadores com coimas por pagar serão notificados para que possam saldar a dívida de forma voluntária, sendo que neste caso o desconto é maior. Além dos 50%, há uma “redução adicional de 25%”.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Multas nos transportes? Vai ter desconto se pagar logo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião