Empresas de rent-a-car fazem subir venda de automóveis

  • ECO
  • 20 Junho 2017

O turismo é o principal fator a impulsionar a compra de carros pelo setor de aluguer. Nos primeiros cinco meses de 2017, estas empresas foram responsáveis por mais de um quarto das vendas.

As empresas de aluguer de automóveis foram responsáveis por 26% das compras de carros em Portugal nos primeiros cinco meses de 2017, num total de 25.655 ligeiros vendidos para este setor. O principal fator que impulsiona estas compras, segundo o Diário de Notícias desta terça-feira, é o turismo.

Para fazer frente a uma maior procura dos turistas, que chegam a Portugal em números maiores, as empresas de rent-a-car têm de aumentar os seus automóveis. Segundo explicou ao jornal o secretário-geral da Associação dos Industriais de Aluguer de Automóveis sem Condutor (ARAC), prevê-se que a época alta traga mais 10 a 11% de turistas. “Para os meses de verão, esperamos um crescimento no número de alugueres de 8%”, afirmou Joaquim Robalo de Almeida. Mais de metade do volume de negócios deste tipo de empresas é explicado pelo turismo.

As empresas de rent-a-car são, assim, responsáveis por mais de um quarto dos 102 mil automóveis vendidos em Portugal até ao final de maio, segundo valores da Associação Automóvel de Portugal (ACAP).

Os turistas ingleses são os que mais procuram os carros de aluguer, representando 40% do mercado, seguidos dos franceses, alemães e italianos.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Empresas de rent-a-car fazem subir venda de automóveis

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião