Toyota quer pôr os seus carros a “falar” uns com os outros

  • Lusa
  • 17 Abril 2018

A fabricante japonesa quer que a maior parte dos seus veículos nos EUA tenham a capacidade de comunicar com os outros veículos em meados da próxima década.

A Toyota vai começar a equipar modelos com tecnologia que permite a comunicação com outros veículos, a partir de 2021, revelou vice-presidente do Planeamento de Produtos, Andrew Coetzee.

Esta operação visa aumentar a segurança das comunicações, prevendo a Toyota que a maior parte dos seus veículos nos EUA devem ter esta capacidade tecnológica em meados da próxima década.

A troca de sinais entre veículos pode avisar outros para situações como fortes travagens iminentes ou que um outro veículo se dirige na direção de um deles.

Coetzee adiantou que as viaturas deverão usar frequências eletromagnéticas para enviar sinais até 300 metros.

O dirigente da empresa nipónica manifestou a esperança de colaborar com outros construtores automóveis, que também estão a fazer testes destes produtos e a desenvolver padrões, para que possam comunicar.

A Toyota está a investir no sistema de travagem de emergência automático, tencionando torná-lo padrão em todos os seus modelos, com exceção de quatro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Toyota quer pôr os seus carros a “falar” uns com os outros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião