Federação Portuguesa de Futebol vai ter canal de televisão. Nuno Santos será diretor

  • ECO
  • 18 Junho 2018

O antigo diretor de informação da RTP vai ser diretor da plataforma de conteúdos da Federação. O canal de televisão, um dos produtos dessa plataforma, estará no ar em 2019.

A Federação Portuguesa de Futebol vai ter uma plataforma de conteúdos própria chamada “11”, que será lançada em março de 2019, escreve esta segunda-feira o Público (acesso condicionado). De acordo com o jornal, Nuno Santos, ex-diretor de informação da RTP e ex-diretor da Sic Notícias dirigirá este novo meio de comunicação.

A nova plataforma da Federação Portuguesa de Futebol inclui ainda um canal de televisão, também com estreia marcada para 2019, e que tem como objetivo chegar a quatro milhões de casas portuguesas à partida. Entre os conteúdos estará o “acompanhamento de jogadores, técnicos e responsáveis da modalidade”.

Nuno Santos, que vive neste momento em Angola, voltará assim a Portugal para dirigir toda a plataforma de conteúdos da Federação Portuguesa de Futebol, cuja equipa conta já com os jornalistas Jaime Cravo, Sara Freitas, Andreia Sofia Matos e com o ex-treinador do Arouca Jorge Leitão.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Federação Portuguesa de Futebol vai ter canal de televisão. Nuno Santos será diretor

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião