BCP pesa na bolsa. Lisboa segue quedas da Europa

A bolsa nacional arrancou a semana em queda, acompanhando a tendência negativa das restantes praças europeias. O BCP destaca-se pela negativa.

Lisboa está em queda. No arranque de uma nova semana, com as praças europeias em terreno negativo, a bolsa nacional segue a tendência, embora a descida seja ligeira. O BCP destaca-se com uma descida de quase 1% numa sessão em que as empresas do setor da pasta e papel impedem uma queda mais acentuada.

O índice de referência do mercado português, o PSI-20, segue a cair 0,2% para 5.104,936 pontos. Na Europa, o vermelho domina, com o Stoxx 600 a ceder 0,1%, registando-se perdas na mesma proporção nas bolsas de Madrid, Paris e Milão. Em Itália, os investidores estão atentos à subida dos juros da dívida que tocam máximos de três semanas.

A pesar no comportamento do mercado nacional está o BCP. Chegou a recuar quase 1% no arranque da negociação, mantendo um comportamento negativo, embora menos expressivo. Depois de conhecidos os resultados da CGD, mas também do BPI, o banco liderado por Miguel Maya cai 0,56% para 23,17 cêntimos.

A Jerónimo Martins, outro dos pesos pesados da bolsa nacional, também condiciona o índice ao ceder 0,2% para 12,355 euros, bem como a Navigator que cai 0,75%. A empresa controlada pela Semapa contraria a tendência do setor, isto num dia em que a holding soma 0,8% e a Altri está a ganhar 0,42% para 7,17 euros.

Destaque também para a queda de 0,7% da EDP Renováveis, enquanto a EDP soma 0,22% para 3,197 euros. A Galp Energia ganha 0,37% para 13,72 euros numa sessão de subida dos preços do petróleo perante a expectativa de sanções dos EUA à Venezuela.

(Notícia atualizada às 8h13 com mais informação)

Comentários ({{ total }})

BCP pesa na bolsa. Lisboa segue quedas da Europa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião