Secretária de Segurança Interna dos EUA demite-se. Trump já tem substituto

  • Lusa
  • 8 Abril 2019

Demissão de Kirstjen Nielsen surge na sequência de uma viagem com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, à fronteira sul do país.

A secretária de Segurança Interna dos Estados Unidos, Kirstjen Nielsen, demitiu-se do cargo, anunciou o presidente norte-americano, Donald Trump.

Na rede social Twitter, o presidente dos Estados Unidos revelou que Kirstjen Nielsen será substituída por Kevin McAleenan, até aqui comissário responsável pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras do país.

Segundo a Associated Press, o pedido de demissão de Kirstjen Nielsen surge na sequência de uma viagem com o presidente dos Estados Unidos à fronteira sul do país e da constatação da presença massiva de estrangeiros que tentam entrar no país.

Em março, numa audição no congresso norte-americano, a secretária de Segurança Interna insistiu que a crise na fronteira com o México é real e não é fabricada.

“Não se enganem: Esta corrente de miséria humana está a piorar. (…) “Vi as populações vulneráveis. Esta é uma verdadeira crise humanitária que o sistema está a permitir. Temos de mudar as leis”, disse a representante da administração norte-americana.

Dezenas de milhares de famílias estão a atravessar de forma irregular a fronteira todos os meses, o que implica uma sobrecarga dos recursos. Em fevereiro passado, mais de 76.000 migrantes foram detidos, mais do dobro do que no mesmo período do ano passado.

A construção de um muro na fronteira com o México, como solução para travar a imigração ilegal, foi uma das mais simbólicas promessas da campanha presidencial de Trump nas eleições de 2016.

Comentários ({{ total }})

Secretária de Segurança Interna dos EUA demite-se. Trump já tem substituto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião