Contribuições para fundos de pensões aumentam 211%

  • ECO Seguros
  • 30 Maio 2019

As contribuições para fundos de pensões registaram um aumento de 211% nos três primeiros meses do ano, face ao mesmo período do ano anterior

As contribuições dos associados e participantes de fundos de pensões registaram um acréscimo de 211% no total dos fundos de pensões. O valor das contribuições atingiu, no trimestre, 342 milhões de euros. Esta evolução, assinala a ASF no seu relatório trimestral, “resultou, principalmente, da realização de uma contribuição extraordinária para fazer face a situações de subfinanciamento registadas em 2018”.

O número de fundos de pensões sob gestão foi acrescentado de um fundo PPR, passando de 229 para 230.

O total dos benefícios pagos pelos fundos de pensões, fechados e abertos, no primeiro trimestre, excedeu 187 milhões de euros.

“Os ativos geridos pelos fundos de pensões representavam no final do primeiro trimestre de 2019, cerca de 20,3 mil milhões de euros, o que corresponde a um aumento de 4,1% face aos valores observados no final de 2018”, refere o relatório. Esta evolução é explicada pelo aumento de 3,9% dos ativos nos fundos de pensões fechados e de 6% nos fundos abertos.

No final de março deste ano os fundos de pensões geriam ativos no valor de 20,2 mil milhões de euros, concentrado nos fundos fechados, que gerem um montante de cerca de 18 milhões de euros.

Comentários ({{ total }})

Contribuições para fundos de pensões aumentam 211%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião